Óleo Essencial de Vetiver

vetivertopo

NO ATACADO: em torno de USD 900,00 /L | Verificar a
disponibilidade: (42) 99981 0808 ou (42) 99114 0808

Nome

Nome

Óleo Essencial de Vetiver / Vetiver Essential Oil

Nome Científico

Nome Científico

Vetiveria zizanioides

Componente de Destaque

Componente de Destaque

Khusimol e Vetiverol

Descrição

Descrição

Líquido viscoso, amarelo escuro (por vezes marrom) e com um profundo odor amadeirado.

Principais Aplicações

Principais Aplicações

Bastante empregado na fabricação de fragrâncias e perfumes como fixador, de notas amadeiradas e de fumaça “smoke”. Na aromaterapia, é utilizado como afrodisíaco, repelente de insetos e como agente clareador de manchas escuras de pele, como melasmas, cloasmas, hiperpigmentação, etc.

Escrito por Wagner Azambuja
Curso de Aromaterapia

Vetiver

O vetiver (Vetiveria zizanioides), atualmente classificado como Chrysopogon zizanioides, é uma planta herbácea, perene, cespitosa (em moita) que pode atingir até 2 metros de altura. Para a produção de óleos essenciais, são plantadas, preferencialmente, em solos arenosos. Afinal, como a parte de interesse são as raízes (as folhas não são aromáticas), é neste tipo de solo que ocorre o melhor desenvolvimento do sistema radicular, proporcionando maior rendimento de biomassa e facilidade de colheita (das raízes). Próximo de outras ervas aromáticas, como palmarosa e capim-limão, o vetiver é originário da Índia, sendo bastante cultivado no Haiti, Índia, Polinésia, Filipinas e Java. Foi, e continua sendo, muito utilizado para aromatizar os tapetes de seda e de lã tecidos a mão na Pérsia e na Turquia. Aliás, na Europa, costuma-se recusar os tapetes mais baratos que não possuem o “cheiro autêntico” proveniente desta planta.

Óleo Essencial de Vetiver

O óleo essencial de vetiver é extraído por destilação a vapor de suas raízes e se apresenta como um líquido viscoso, amarelo e com um profundo odor amadeirado (na verdade, uma mistura de terra, madeira e citrinos). Seu rendimento fica entre 1,5 e 2%, mas pode chegar a 3% em ótimas condições de cultivo e armazenagem de suas raízes. Na sua composição, são encontrados mais de 100 elementos, na maioria sesquiterpenos, dentre os quais se destacam o beta-vetivenene, o beta-vetivona, o khusimol, a alfa-vetivona, o vetiverol, o isovalencenol e o ácido zizanóico. Neste caso, a alfa-vetivona e beta-vetivona, assim como os outros compostos carbonílicos, influenciam individualmente e coletivamente nas suas características odoríferas. Já o vetiverol, porção alcoólica deste óleo, determina a sua qualidade. Quando de boa procedência, trata-se de um óleo com mercado garantido, sendo muito utilizado na indústria de perfumaria como “fixador“, afinal, sua fragrância bem como característica química se enquadram perfeitamente nos padrões dos elementos que devem compor as “notas de fundo” de um perfume. Na aromaterapia, tem fama de sensual e exótico, uma vez que na Índia era empregado como óleo de consagração em práticas sexuais tântricas. Mas também é repelente de insetos e pode auxiliar no tratamento contra a artrite, reumatismo, nevralgias e insônia.

Óleo Essencial de Vetiver

Por destilação a vapor, precisa-se de aproximadamente 5.000 kg de raízes de vetiver para se obter 1 litro de óleo. E para os melhores rendimentos, recomenda-se uma pressão na dorna de 2 a 2,5 atmosferas, o que impõe a utilização de equipamentos bem reforçados. Aqui, uma observação: sabe-se que o óleo essencial de vetiver brasileiro, em comparação com os óleos de outras origens, contêm mais ácidos, em especial o ácido zizanóico.

Manchas de Pele e TDAH

Segundo um estudo publicado no The Scientific World Journal, o óleo essencial de vetiver é um agente eficaz no clareamento de manchas escuras de pele, como melasmas, cloasmas, hiperpigmentação, etc. Isto porque este óleo possui uma potente atividade antioxidante, similar ao BHA, bem como uma poderosa ação indutora das enzimas antioxidantes das células: catalase, glutationa peroxidase e superóxido dismutase. Estas enzimas, que agem regenerado a pele, protegem os tecidos de danos ocasionados por radiações, toxinas, radicais livres, além de cuidarem da matriz extracelular, onde estruturam-se as fibras de colágeno e elastina; mantendo estas fibras saudáveis, reduzindo rugas, queloides e fibroses. Outro estudo, este coordenado pelo prestigiado Dr. Terry Friedmann, comprovou que a inalação do óleo essencial de vetiver melhora o padrão de ondas cerebrais de crianças com TDAH, o transtorno do déficit de atenção com hiperatividade, com resultados positivos na melhora do desempenho escolar e dos padrões de comportamento em todas as disciplinas.

Uso cosmético: 0,5% – 2% para clareamento e tratamento de pele.

Comprar Óleo Essencial de Vetiver

vetivervenda

Produto: Óleo Essencial de Vetiver
Marca: QUINARÍ
Registro na ANVISA: 25351.436353/2017-53

vetiverbarcode
img-selos
Mostrando 3 comentários
  • Itamar Pinheiro
    Responder

    Wagner,você conhece a técnica de cultivo do vetiver em sacos. Se tiver alguma informação dessa técnica gentileza envie para mim.
    Obrigado.

  • BEATRIZ CRUZ
    Responder

    Para pele, posso usar o óleo puro direto no rosto? Ou tenho que diluir com um óleo vegetal?

  • Monique Iltis
    Responder

    Boa noite! Como uso o óleo de vetiver no rosto, pr melasma?

Deixe um comentário

Curso de Aromaterapia

Aprenda a como utilizar toda a energia dos Óleos Essenciais ao seu favor.

img-aromaterapia
error: Conteúdo protegido!