Captura de Abelhas com Óleo de Capim Limão, o Nasonov Vegetal

capimlimaotopo

NO ATACADO: em torno de USD 110,00 /L | Verificar a
disponibilidade: (42) 99981 0808 ou (42) 99114 0808

Feromônios

Feromônios

São substâncias químicas secretadas por indivíduos capazes de causar respostas específicas em outros da mesma espécie. Trata-se, portanto, de um elaborado sistema de comunicação.

Glândulas de Nasonov nas Abelhas

Glândulas de Nasonov nas Abelhas

Liberam o feromônio da atração (ou de cheiro), que é considerado uma complexa mistura química formada por citral, nerol, geraniol, ácido nerólico, ácido gerânico e farnesol. Neste caso, a liberação geralmente ocorre na entrada da colmeia com o objetivo de localizar e atrair seus membros durante a enxameação. Ou seja, ele auxilia na orientação e no agrupamento das abelhas.

Óleo Essencial de Capim Limão

Óleo Essencial de Capim Limão

Sua composição química é muito semelhante ao nasonov natural, o qual contém citral (algo em torno de 75%), geraniol, nerol, citronelol, metil-heptenol, farnesol e outros componentes em menor quantidade. Por isto, tal como o nasonov, este óleo também é capaz de auxiliar na orientação e no agrupamento da colmeia.

Escrito por Wagner Azambuja
img-curso-aromaterapia

Abelhas e o Feromônio de Nasonov

Feromônios são substâncias químicas secretadas por indivíduos capazes de causar respostas específicas em outros da mesma espécie. Trata-se, portanto, de um elaborado sistema de comunicação. Atualmente, estima-se que cada espécie de inseto produza cerca de uma centena de diferentes compostos para desempenhar tarefas rotineiras como encontrar alimentos e parceiros, agregar-se em comunidade, proteger locais de ovoposição ou escapar de predadores. As abelhas, família Apidae, constituem um dos mais fascinantes exemplos de como estes mensageiros químicos podem ser utilizados, as quais utilizam os feromônios para diferentes propósitos de comunicação e controle comportamental. Nelas, a liberação destes compostos se dá principalmente por meio de três glândulas: as glândulas mandibulares, as glândulas de Nasonov e as glândulas do ferrão.

“A apicultura brasileira começou oficialmente em 1839, quando o padre Antonio Carneiro importou da região do Porto (Portugal) 100 colônias de abelhas da espécie Apis mellifera. Depois de cruzar o Atlântico, apenas sete colônias sobreviveram e foram instaladas na praia Formosa, no Rio de Janeiro.”

Glândulas de Nasonov

As glândulas de Nasonov, ou glândulas de cheiro, estão localizadas no 7º segmento abdominal das operárias na região dorsal. São estas glândulas que liberam o feromônio da atração (ou de cheiro), que é considerado uma complexa mistura química formada por citral, nerol, geraniol, ácido nerólico, ácido gerânico e farnesol. Neste caso, a liberação geralmente ocorre na entrada da colmeia com o objetivo de localizar e atrair seus membros durante a enxameação. Ou seja, ele auxilia na orientação e no agrupamento das abelhas. Posteriormente, com a descoberta da química deste feromônio, a indústria passou a fabricar “nasonov sintético“, geralmente, utilizando-se de matérias-primas artificiais. Alguns destes produtos, de fato, dão resultados positivos, porém, é o óleo essencial de capim limão (ou lemongrass oil) o produto que melhor responde ao objetivo proposto.

Em relação à outros produtos sintéticos, o óleo essencial de capim limão é o que oferece os melhores resultados, afinal, além desta similaridade química, ele também é um produto natural, “fabricado” pela sábia mãe natureza. Não contêm, portanto, nenhum químico aromático artificial.

Óleo Essencial de Capim Limão e o Feromônio de Nasonov

O óleo essencial de capim-limão, conhecido internacionalmente como lemongrass oil, é extraído por destilação a vapor das folhas verdes ou secas de algumas plantas do gênero Cymbopogon, que possui aproximadamente 56 espécies aromáticas. Trata-se de um óleo amarelado, com odor de limão, que apresenta propriedades bactericidas, antissépticas, analgésicas e antifúngicas comprovadas. Ok, mas por que ele vem sendo utilizado com tanto sucesso pelos apicultores (principalmente europeus)? A resposta está na sua composição química, a qual é muito semelhante àquela do Nasonov natural, sintetizado pelas abelhas. Afinal, o óleo de capim limão também é composto por citral (algo em torno de 75%), geraniol, nerol, citronelol, metil-heptenol, farnesol e outros componentes em menor quantidade. Ou seja, ele “engana” as abelhas por conta de sua semelhança química com o Nasonov, auxiliando na orientação e no agrupamento da colmeia. Em uma pesquisa publicada em 2002, as caixas-isca pulverizadas com óleo essencial de capim limão apresentaram uma eficácia 40% maior na captura de enxames em comparação às caixas com cera de abelha, apenas. Neste estudo, foram utilizados 3 mL de óleo, o equivalente a 60 gotas, diluídos em 100 mL de álcool comum. Em outro estudo, este de 2008, o óleo foi diluído em vaselina líquida na proporção de 5 mL / 100 mL de vaselina; cuja mistura foi aplicada diretamente nas paredes das caixas-isca. Neste, a eficácia chegou a ser 60% maior em comparação às caixas com apenas cera. Para explicar esta diferença de rendimento, uma das teorias vale-se das propriedades físico-químicas da vaselina, que, ao contrário do álcool, não volatiliza (não evapora) com facilidade e, por esta razão, retém o óleo de capim limão por mais tempo nas caixas-isca.

Comprar Óleo Essencial de Capim Limão

capimlimaovenda

Produto: Óleo Essencial de Capim Limão
Marca: QUINARÍ
Registro na ANVISA: 25351.179913/2017-23

capimlimaobarcode
img-selos
error: Content is protected !!